Atenção: este é um texto traduzido e adaptado pelo editor do Esclarecimento Filosófico Júlio Cesar da Silva. Ao final do texto é possível encontrar o link do texto original.

Escrito por John Sellars

O que você está esperando para o ano novo? Você quer progredir em sua carreira ou talvez comprar uma casa? Talvez você esteja procurando iniciar um novo relacionamento ou finalmente alcançar um aumento salarial?

Embora não exista nada de inerentemente errado em buscar qualquer uma dessas coisas, ao anexar seu senso de autoestima a esses tipos de sucessos externos, o caminho a seguir pode ficar repleto de perigos. Então, com a ajuda da filosofia dos antigos estóicos, é hora de repensar o que vale a pena perseguir.

Ao se fixar nos sucessos externos, a maioria de nós acaba pensando que, se não atingirmos esses objetivos, fracassamos. Muitas vezes pensamos: “se eu fosse mais determinado ou trabalhasse mais, cumpriria todas as minhas ambições, porque se não o fizer, sou o único culpado”.

Então, qual é o truque para evitar essa armadilha? A resposta poderia muito bem estar nos antigos estóicos, que apresentaram várias idéias que sugerem uma maneira diferente de pensar.

O estoicismo é uma filosofia que foi fundada em Atenas no início do século III aC. Os estóicos acreditam que a virtude (como a sabedoria) é a felicidade; o julgamento deve se basear no comportamento, e não nas palavras, e que não controlamos e não podemos confiar em eventos externos, apenas a nós mesmos e nossas respostas.

Portanto, ao definir suas metas ou resoluções para 2020, aqui estão as três ideias estóicas principais que podem ajudá-lo a pensar de maneira diferente.

1. Muito do que acontece está fora de seu controle

Embora possamos certamente contribuir para os resultados, como fazer o melhor possível em uma entrevista de emprego, nunca podemos controlar completamente o resultado. Nosso desempenho na entrevista pode ser excelente, mas o resultado será tão determinado pela maneira como os outros candidatos se saem e como o entrevistador se sente no dia.

Se você amarra seu senso de sucesso e auto-estima a algo fora de seu controle, está transformando sua felicidade em refém da fortuna. Essa não é uma boa posição para se estar, mas algo pode ser feito sobre isso.

2. Concentre-se na atividade, não no resultado

Os estóicos fizeram uma analogia com o tiro com arco . Por mais absurdo que possa parecer, o objetivo do tiro com arco não é acertar o alvo, mas simplesmente atirar bem.

Atingir o alvo está fora de seu controle – uma rajada de vento pode soprar a flecha. Então, em vez disso, você deve se concentrar em dominar a técnica do arco e flecha. Isso não garante que você sempre atinja o alvo – ainda haverá rajadas de vento – mas aumentará a probabilidade de atingi-lo com mais frequência.

Mais importante ainda, o objetivo de atirar flechas da melhor maneira possível está completamente sob nosso controle, e nenhum vento lateral irritante pode nos impedir de conseguir isso. Pensar nessa linha nos ajuda a trazer nossa felicidade de volta ao nosso controle.

3. O valor verdadeiro reside dentro, não fora

Os estóicos argumentariam que conseguir esse novo emprego, promoção ou aumento de salário não é realmente bom. Por quê? Porque mesmo se você conseguir, você ainda pode estar infeliz ou insatisfeito. Pode até piorar as coisas – mais responsabilidade, mais estresse, maiores expectativas. Ou pode ser rapidamente esquecido quando você concentrar sua atenção em subir o próximo degrau da escada.

Os estóicos insistiam que, para que algo seja bom, deve sempre nos beneficiar. E eles sugeriram que só há uma coisa que sempre nos beneficia quando a temos: uma mente calma, racional e consistente. É aqui que reside o valor real.

Portanto, para 2020, tente esquecer as ambições externas que você não pode controlar e, em vez disso, concentre-se em cultivar o estado de espírito certo, como o desejo de fazer o que estiver fazendo da melhor maneira possível, simplesmente para a satisfação de fazer o bem, sem pensar em mais recompensa.

Essa é uma ambição completamente sob seu controle. Nada pode impedi-lo e você pode ser o mestre de seu próprio sucesso no próximo ano.

Link Original: https://theconversation.com/how-to-rethink-your-idea-of-success-in-the-new-year-according-to-ancient-stoic-philosophers-129107

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s